quinta-feira, 25 de junho de 2015

Programação do mês de Julho 2015

No primeiro (1o) dia do mês de julho de 2015, o Instituto Rio lança o regulamento da 2a edição do Prêmio Geraldo Jordão Pereira (GJP) que terá como foco as áreas de Educação, Cultura e Desenvolvimento Comunitário premiando sete (7) projetos, em três categorias (um em primeiro lugar; três em segundo lugar; e três em terceiro lugar) doando um total de  R$80.000,00 (oitenta mil reais). Este regulamento estará disponível no site institucional do Instituto Rio (www.institutorio.org.br) e aberto para inscrições até o dia 31 de agosto de 2015. Os vencedores serão conhecidos no dia 27 de outubro deste ano.

No segundo dia do mês, o Centro Cultural A História que eu Conto (CCHC) oferece para toda a rede da Universidade Comunitária da Zona Oeste um dia inteiro dedicado à vivência e aprendizado sobre a “Cultura de Paz”, através do Seminário “A ARTE DE VIVER EM PAZ”, desenvolvido pela Universidade Internacional da Paz do Rio de Janeiro, parceiros do CCHC. Esta metodologia que será compartilhada com toda a rede foi desenvolvida pelo Professor Pierre Weil e premiada pela UNESCO. O seminário acontece de 8:30hs às 18:00hs, na Rua Paulino Fernandes no. 3 – Botafogo.

No primeiro sábado do mês, dia 4 de julho, será o dia de celebrar a cultura popular e as tradições do Bumba meu boi maranhense. É o dia do “Arraiá Flor da Roça”, organizado pela Associação Raízes de Gericinó, uma organização familiar dedicada à preservação da memória e cultura popular maranhenses. Durante o Arraiá haverá a apresentação do “Bumba Meu Boi Estrela de Gericinó”, projeto desenvolvido com a comunidade onde todas as roupas e acessórios foram produzidos ao longo das oficinas de artesanato e corte e costura, além das oficinas de dança típica e capoeira. É um evento comunitário onde todos são convidados a levar um prato típico para compartilhar com os participantes da festa, que começa a partir das 20:00hs e é aberta ao público, na Estrada do Gericinó, no. 80 - Bangu.

No dia 10 de julho, dentro da programação do Encontro Internacional da Rede de Fundos Independentes para a Justiça Social, haverá uma atividade aberta ao público quando o tema “Filantropia de justiça social: inovações e transformações” será abordado, durante a manhã, com a participação de representantes de organizações internacionais e nacionais, como Philanthropy for Social Justice and Peace, Fundo Brasil de Direitos Humanos, Fundo Elas, Philanthropies for Racial Equity, Fundação Ford, GIFE e Fundação Kellog. Na parte da tarde, o foco será dado às “Fundações Comunitárias: uma forma de fazer filantropia”, com a participação de Graciela Hopstein, diretora executiva do Instituto Rio, primeira Fundação Comunitária do Brasil, fazendo parte da mesa de diálogo que contará também com a representante da Global Fund for Community Foundations e os demais gestores das Fundações Comunitárias existentes atualmente no Brasil: Instituto Baixada, ICOM e Taboa.  Este dia de atividade iniciará às 9:00hs na FIRJAN, na Av. Graça Aranha no. 1 – Centro e terminará às 16:30hs.

Para finalizar o mês, no dia 25 de julho, o Coletivo Mulheres de Pedra realiza o VIVAS – Vivência interação visibilidades afro-brasileiras, evento que celebra o Dia da Mulher Negra Latino-americana e Caribenha que contará com diversas atividades, como dança, exposição, mostra de curtas, debate, mulheres homenageadas, almoço e sarau. Este é um evento aberto ao público que acontecerá de 10:00hs às 22:00hs, no Atelier Massa com Arte, que fica localizado na Rua Saião Lobato no. 138 – Pedra de Guaratiba.

Para acompanhar as notícias do Instituto Rio e da Universidade Comunitária da Zona Oeste, acessem nossos canais de informação e comunicação:


CURTA A NOSSA PÁGINA!


Blog e Agenda Comunitária da Universidade Comunitária da Zona Oeste: http://www.universidadecomunitariazo.com.br




sexta-feira, 19 de junho de 2015

Representantes de Fundações Comunitárias Mexicanas visitam Cidade de Deus

No dia 10 de Junho, a ASVI CDD recebeu os representantes do Instituto Rio que ofereceram através da Universidade Comunitária da Zona Oeste, um encontro com representantes das Fundações Comunitárias Mexicanas, que trouxeram para a rede, toda a sua experiência.

Participaram do encontro 70 pessoas das diversas instituições da Zona Oeste e após o encontro, os representantes participaram de uma entrevista ao vivo com o repórter Rodney Cardoso, através do programa A Voz da Rede que é apoiado pelo Instituto Rio.
Ouça abaixo:
http://www.spreaker.com/user/7881491/fundacoes-comunitarias-mexicanas

quinta-feira, 18 de junho de 2015

INSCRIÇÕES PRORROGADAS

CAROS AMIGOS EVOLUTIVOS!

A inscrição do SEMINÁRIO "A ARTE DE VIVER EM PAZ", foi prorrogada até a próxima SEGUNDA-FEIRA (22/06). Caso não haja realização da inscrição, estaremos remanejando as vagas para os parceiros do Centro Cultural. Lembramos que esse seminário foi planejado e está dentro do projeto "Facilitadores da Paz", especialmente para os integrantes da Universidade Comunitária da Zona Oeste.

Att. Coordenação!


terça-feira, 16 de junho de 2015

O Instituto Rio participa de um programa de intercâmbio com Fundações Comunitárias Mexicanas




Entre os dias 8 a 11 de junho, o Instituto Rio participou de um programa de intercâmbio com Fundações Comunitárias Mexicanas que consistiu na visita a organizações de outros países de América Latina como Costa Rica e Brasil. O Instituto Rio recebeu representantes da Fundación Comunitaria Puebla IBP, Fundación del Empresariado Chihuahuense (FECHAC) e Comunalia – Alianza de Fundaciones Comunitarias de Mexico.

A programação das atividades deste intercâmbio consistiu em reuniões de apresentação do trabalho desenvolvido por cada instituição, com a participação da equipe técnica do Instituto Rio, do Diretor Presidente do Instituto Rio, Marcos da Veiga Pereira,  dando as boas-vindas para os visitantes, além da vice-presidente do Conselho da organização, Vera Saboya. Foram organizadas também visitas a quatro projetos apoiados no ano de 2015 pelo Instituto Rio, além do Encontro das Fundações Mexicanas com a rede da Universidade Comunitária da Zona Oeste e uma reunião de avaliação ao final do intercâmbio.

O segundo dia de atividade foi dedicado às visitas a dois projetos apoiados pelo Instituto Rio: “Bumba Meu Boi Estrela de Gericinó”, desenvolvido pela Associação Raízes de Gericinó e “Facilitadores da Paz”, idealizado pelo Centro Cultural A História que Eu Conto, localizada em Vila Aliança. Para as Fundações Comunitárias Mexicanas, o principal interesse nas visitas era conhecer o trabalho desenvolvido por organizações de base comunitária que fazem diferença no desenvolvimento local das comunidades visitadas. A experiência de troca foi bastante proveitosa tanto por parte dos visitantes, que puderam ver de perto o trabalho realizado e constataram algumas semelhanças com as iniciativas mexicanas, como a preservação da cultura popular nos territórios, e o trabalho envolvendo a cultura de paz em comunidades onde os jovens são expostos à violência constante. Tanto para as organizações que aproveitaram esta oportunidade para entender melhor os processos de apoio que as Fundações Comunitárias desenvolvem no México.

Além dos projetos visitados, os convidados tiveram a chance de conversar com os jovens participantes do projeto Jacutucos II, que capacita integrantes de três centros culturais comunitários da Zona Oeste do Rio de Janeiro – Casa da Rua do Amor, Centro Cultural A História que eu Conto e Foco – fábrica de atores sociais – em organização e realização de eventos culturais.

Os outros projetos visitados são desenvolvidos na Cidade de Deus, local onde foi realizado o Encontro das Fundações Comunitárias Mexicanas com a rede da Universidade Comunitária da Zona Oeste. Na Associação Semente da Vida da Cidade de Deus (ASVI), os convidados participaram também de uma entrevista para a Web Radio CDD, apoiada pelo Instituto Rio através do programa “A Voz da Rede”. Na parte da tarde, o “Ateliê As Talentosas”, idealizado pela Rede Cidade de Deus de Economia Solidária, recebeu os visitantes com grande parte das mulheres participantes do projeto aprendendo a moldar e costurar objetos para a casa que serão comercializados nas feiras locais de economia solidária.


Encontro da Rede da Universidade Comunitária da Zona Oeste com Fundações Comunitárias Mexicanas: trocando experiências e compartilhando saberes


No dia 10 de junho, as organizações e coletivos que integram a Rede da Universidade Comunitária da Zona Oeste participaram de um encontro com representantes de duas Fundações Comunitárias Mexicanas: Fundación Comunitaria Puebla IBP e Fundación del Empresariado Chihuahuense (FECHAC), além da representante da Comunalia – Alianza de Fundaciones Comunitarias de Mexico, que coordena uma rede de 17 Fundações Comunitárias que atuam em 15 estados diferentes do país.
Este encontro foi promovido pelo Instituto Rio como parte do programa de intercâmbio. O principal objetivo do encontro foi conhecer o trabalho realizado por essas fundações e trocar experiências baseadas nas fortalezas de cada organização.

A Fundación Comunitaria Puebla IBP destacou o trabalho de gerenciamento de 25 fundos que permitem o apoio aos projetos desenvolvidos neste estado no centro do país. Já a FECHAC surpreendeu a todos ao compartilhar sua experiência de 25 anos de mobilização de recursos empresariais, que engloba a participação de 36.000 empresários do estado de Chihuahua, no norte do México. Neste primeiro momento do encontro, o foco do bate-papo com as organizações locais contribuiu para pensarmos em novas maneiras de envolvimento e engajamento do empresariado local para a transformação social do território de atuação. Outro ponto de destaque foi o papel que as Fundações Comunitárias Mexicanas exercem junto ao poder público que reconhece o papel das fundações comunitárias no planejamento de iniciativas sociais de impacto nos territórios de atuação, dado  o conhecimento que elas tem sobre as demandas das populações e comunidades locais.

A troca de saberes com a Comunalia foi bastante significativa para a rede da Universidade Comunitária da Zona Oeste, uma vez que destacou a importância do trabalho em rede para potencializar as ações em determinado território. Por outro lado, Laura Trejo, diretora executiva da Comunalia, ressaltou que o trabalho em rede permite que as organizações membros alcancem seus objetivos comuns somente se for estabelecida uma relação de confiança entre seus membros que só é possível a partir do momento em que todos conhecem bem os trabalhos desenvolvidos por cada organização, estimulando a construção coletiva de saberes e o trabalho colaborativo na rede.

O encontro contou com a participação ativa de representantes de todas as organizações apoiadas pelo Instituto Rio em 2015, além de parceiros da Universidade Comunitária e organizações locais da Cidade de Deus.

O Instituto Rio agradece a todos e todas pela participação e contribuição nesta troca de experiências e compartilhamento de saberes. Um agradecimento especial à Associação Semente da Vida da Cidade de Deus (ASVI) que cedeu o espaço de sua sede para a realização do encontro e toda a sua equipe que nos recebeu de braços abertos. Agradecemos também a oportunidade da entrevista realizada para a rádio web CDD (http://www.webradiocdd.org.br) junto aos representantes das organizações mexicanas.




Seminário "A Arte de Viver em Paz"

CAROS AMIGOS EVOLUTIVOS!

Gostaríamos de lembrar que o prazo de inscrição do SEMINÁRIO "A ARTE DE VIVER EM PAZ", encerra na próxima QUINTA-FEIRA (18/06). Caso não haja realização da inscrição, estaremos remanejando as vagas para os parceiros do Centro Cultural. Lembramos que esse seminário foi planejado e está dentro do projeto "Facilitadores da Paz", especialmente para os integrantes da Universidade Comunitária da Zona Oeste.

Att. Coordenação!



terça-feira, 9 de junho de 2015

Oficina de Teatro "FACILITADORES DA PAZ" do Centro Cultural A História Que Eu Conto



Oficina de teatro "FACILITADORES DA PAZ", que acontece todas as terças-feiras, de 9 ás 11h  no Centro Cultural A História Que Eu Conto​.

A turma da manhã hoje trabalhou com as emoções na Roda da Paz!!!
As oficinas têm apoio do INSTITUTO RIO.





















terça-feira, 2 de junho de 2015

Programação do mês de Junho de 2015

Neste mês de Junho, as atividades programadas para toda a rede da Universidade Comunitária da Zona Oeste são bastante diversificadas, englobando um encontro, exposição, sarau e talk show.
Chamamos a atenção para o prazo de inscrições da atividade oferecida pelo Centro Cultural A História que Eu Conto, que se encerra no mês de junho.

Compartilhamos abaixo as informações de cada atividade deste mês para que tod@s possam se organizar antecipadamente para participar!

No dia 10 de junho, duas atividades serão oferecidas.
Na parte da manhã, o Instituto Rio oferece para toda a rede da Universidade Comunitária da ZO um encontro de troca de experiências com fundações comunitárias Mexicanas, na Cidade de Deus. Neste mesmo território, uma exposição de fotos contando a história da Cidade de Deus  pelo olhar de jovens da comunidade estará disponível no Centro Educacional Criança Futuro Adolescente (CECFA). 

  •     Atividade: Encontro da Rede da Universidade Comunitária da Zona Oeste com Fundações Comunitárias Mexicanas: trocando experiências e compartilhando saberes

Local: ASVI – Travessa Mesopotâmia, no. 32 – Praça do Ageu – Cidade de Deus;
Horário: de 9:00hs às 12:00hs;
Inscrições pelo e-mail: institutorio@institutorio.org.br - ENCERRADAS.

  •        Atividade: Exposição de fotos “História da comunidade: Cidade de Deus”, realizado por jovens de 15 a 20 anos.

Local: CECFA – Rua Noé, no.8 – Cidade de Deus
Horário: a partir das 10:00hs
Aberto ao público.

No dia 13 de junho, a partir das 18:00hs, em Pedra de Guaratiba será realizado mais um Sarau Pedra Pura Poesia, organizado pelo Coletivo Mulheres de Pedra – Polo da Universidade Comunitária da ZO. Este evento acontece mensalmente e integra música, poesia, dança, cinema, artes visuais e gastronomia. No mês de junho, o tema do Sarau é “Norte Brincante”, dando norte depois da piração, com brincadeiras. 

  •    Atividade: Sarau Pedra Pura Poesia – “Norte Brincante”

Local: Atelier Massas com Arte, na Rua Saião Lobato 138, Pedra de Guaratiba 
Horário: a partir das 18:00hs
Aberto ao público.

No final do mês, para desintoxicar do estresse acumulado, o Instituto Sinergia para o Desenvolvimento Sustentável (INSINE) oferecerá um talk-show sobre estresse psicofísico voltado para as técnicas de gerenciamento de estresse, seguido de uma oficina de meditação e café da manhã, no dia 27.

  •        Atividade: "Relaxa Rio - O Detox do Estresse"

Local: Anexo da Paróquia Santa Inês -  Praça Elias Jabour, no. 104 - Senador Camará.
Horário: de 10:00hs às 12:00hs
Aberto ao público.

No início do mês de julho, o Centro Cultural A História que Eu Conto, em parceria com a Universidade Internacional da Paz do RJ, oferecerá um seminário sobre Educação em Cultura de Paz. Apesar de ocorrer no mês de julho, as inscrições para participar se encerram no dia 18 de junho, sendo assim, seguem os maiores detalhes sobre esta atividade que tem o objetivo de proporcionar à rede uma oportunidade de tod@s conhecerem mais sobre “A Arte de Viver em Paz”, uma metodologia criada pelo Professor Pierre Weil, premiada pela UNESCO e utilizada no projeto “Facilitadores da Paz”, apoiado pelo Instituto Rio no ano de 2015, cujo objetivo é facilitar a Cultura de Paz por meio do teatro com adolescentes, sensibilizando-@s no cuidado integral.

  •       Atividade: Seminário “A Arte de Viver em Paz”

Local: Universidade Internacional da Paz do RJ (UNIPAZ) - Rua Paulino Fernandes, no. 3 – Botafogo.
Horário: de 8:30hs às 18:00hs
Inscrições: até o dia 18 de junho. É necessário preencher um formulário através do link: http://tinyurl.com/mcvhx5n
Enviar o formulário preenchido para o e-mail: seminarioavipaz@gmail.com
Vagas limitadas!  
São apenas 25 vagas para a rede da Universidade Comunitária da Zona Oeste, garanta já a sua!


Para acompanhar as notícias do Instituto Rio e da Universidade Comunitária da Zona Oeste, acessem nossos canais de informação e comunicação:


CURTA A NOSSA PÁGINA!


Blog e Agenda Comunitária da Universidade Comunitária da Zona Oeste: http://www.universidadecomunitariazo.com.br